Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Embraer lança conversão do E190 e E195 de passageiros para cargueiros

O mercado de conversão de passageiros para cargueiros ganhou um novo player nesta segunda-feira (07). A indústria brasileira Embraer lançou as versões do E190F e E195F, aumentando a vida útil dos E-Jets antigos e encontrando um novo nicho de capacidade no ressurgente mercado P2F.

O mercado de conversão de passageiros para cargueiros ganhou um novo player nesta segunda-feira (07). A indústria brasileira Embraer lançou as versões do E190F e E195F, aumentando a vida útil dos E-Jets antigos e encontrando um novo nicho de capacidade no ressurgente mercado P2F.
Imagem: Embraer

 A Embraer informou que projetou os cargueiros E-Jet para atender à evolução do comércio eletrônico e do comércio moderno, que exige prazos de entrega cada vez mais rápidos e a necessidade de operações descentralizadas.

O E190F terá capacidade para transportar até 10.700 kg de carga e o E195F 12.300 kg. 

“Perfeitamente posicionado para preencher a lacuna no mercado de cargueiros entre turboélices e jatos estreitos maiores, nossa conversão de E-Jet P2F chega ao mercado à medida que a demanda por frete aéreo continua a decolar e o comércio eletrônico e o comércio, em geral, passam por uma transformação estrutural global”, disse o CEO da Embraer Aviação Comercial, Arjan Meijer.

O mercado de conversão de passageiros para cargueiros ganhou um novo player nesta segunda-feira (07). A indústria brasileira Embraer lançou as versões do E190F e E195F, aumentando a vida útil dos E-Jets antigos e encontrando um novo nicho de capacidade no ressurgente mercado P2F.
(Imagem: Luís A. Neves @nevesplanepictures2021)

A Embraer disse que disponibilizará a conversão para todas as aeronaves E190 e E195 usadas. Visando uma entrada em serviço no início de 2024, a empresa informa que prevê uma demanda para a categoria de tamanho do E190/195F de cerca de 700 aeronaves ao longo de 20 anos.

A iniciativa ocorreu quando a Embraer abordou o que chama de três grandes oportunidades, incluindo o fato de que grande parte da atual frota de cargueiros na categoria dos Boeing 727 e 737 por exemplo, entraram em sua janela de aposentadoria. 

A empresa também citou mudanças estruturais recentes que fortaleceram o mercado geral de cargueiros, “e mais ainda para entregas no mesmo dia e operações descentralizadas”.

Por fim, observou que os E-Jets que entraram em serviço há cerca de 10 a 15 anos agora estão emergindo de arrendamentos de longo prazo e iniciando seu ciclo de substituição, que continuará na próxima década. 

A conversão de carga completa prolongará a vida útil dos E-Jets por mais 10 a 15 anos e incentivará sua substituição no mercado de passageiros pelo que a Embraer chama de aeronaves mais eficientes, sustentáveis ​​e silenciosas.

O mercado de conversão de passageiros para cargueiros ganhou um novo player nesta segunda-feira (07). A indústria brasileira Embraer lançou as versões do E190F e E195F, aumentando a vida útil dos E-Jets antigos e encontrando um novo nicho de capacidade no ressurgente mercado P2F.
(Imagem: Luís A. Neves @nevesplanepictures2021)

A fabricante realizará as conversões de cargueiros em suas instalações no Brasil. A conversão inclui uma porta de carga dianteira do convés principal; sistema de movimentação de carga; reforço de piso; a Barreira de Carga Rígida (RCB), que é uma barreira 9G com porta de acesso; sistema de detecção de fumaça de carga, incluindo extintores classe “E” no compartimento de carga superior; alterações no sistema de gestão do ar (arrefecimento, pressurização, etc); remoção interior e provisões para transporte de materiais perigosos.

“Os cargueiros E-Jet fornecerão serviços rápidos, confiáveis ​​e econômicos aos transitários, estenderão a vida útil dos E-Jets, apoiarão os valores dos ativos dos E-Jets e criaram um forte caso de negócios incentivando a substituição de aeronaves anteriores. aeronaves de passageiros modernas e mais eficientes”, disse o CEO de Serviços e Suporte da Embraer, Johann Bordais. “Com mais de 1.600 E-Jets entregues globalmente, os clientes deste novo segmento de cargueiros se beneficiarão de uma rede de serviços global bem estabelecida e madura, além de um portfólio abrangente de produtos prontos para apoiar sua operação desde o primeiro dia.”

O mercado de conversão de passageiros para cargueiros ganhou um novo player nesta segunda-feira (07). A indústria brasileira Embraer lançou as versões do E190F e E195F, aumentando a vida útil dos E-Jets antigos e encontrando um novo nicho de capacidade no ressurgente mercado P2F.
(Imagem: Luís A. Neves @nevesplanepictures2021)

A Azul Linhas Aéreas foi a primeira companhia aérea a operar com o Embraer 195F no mundo. A conversão da aeronave aconteceu em parceria com a LHColus Tecnologia, atualmente a Azul Cargo opera com cinco E195F em sua frota. (Leia mais)

Dê sua opinião! Embraer lança conversão do E190 e E195 de passageiros para cargueiros

Gostou desse texto?Então leia mais notícias do nosso site:

Ucrânia ter abatido o caça russo Sukhoi SU-34

Conheça o primeiro E195-E1 o primeiro full cargo do mundo

Embraer fecha acordo com a maior companhia aérea da Nigéria

FAB decola para resgatar brasileiros do conflito na Ucrânia

Agora, confira o vídeo do canal com Lito Sousa:

YouTube player

Confira também, mais um vídeo do canal com Lito Sousa:

YouTube player

Sempre que quiser, veja mais vídeos no nosso canal no youtube!

Canal do Aviões e Músicas

Você leu toda a matéria? Então não deixe de acompanhar também nossas redes sociais!

+ do Blog Aviões e Músicas
logo aem site rodape 2

Um portal feito para leigos, entusiastas, curiosos, geeks, amantes de aviões, aeroportos e viagens.