Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Delta avança em compromisso com diversidade, diz relatório


A companhia aérea Delta aumentou a representação de profissionais mulheres, afrodescendentes e de outros grupos raciais e étnicos sub-representados em diferentes funções em toda a empresa, de acordo com seu segundo relatório anual “Close the Gap”, assim a Delta avança em seu compromisso com diversidade nos cargos de liderança.

O relatório acompanha a diferença em relação à diversidade entre os talentos da linha de frente e a liderança dentro da empresa. Ao produzir esse documento, a Delta se responsabiliza pelos compromissos assumidos em 2020 para acelerar o fechamento das lacunas de representação da diversidade entre os funcionários que compõem a linha de frente e a liderança nas três áreas mais sub-representadas.

“Nossos esforços concentrados estão construindo um forte portfólio de profissionais à medida em que trabalhamos em direção às nossas metas de longo prazo”, disse a vice-presidente da Delta e diretora executiva de Diversidade, Equidade e Inclusão, Keyra Lynn Johnson. “As medidas que tomamos, como a introdução de uma abordagem de contratação focada em habilidades em primeiro lugar, reforçando a importância de diversos painéis de contratação e criando oportunidades de aprendizado, são componentes que continuam gerando resultados. Sabemos que o caminho para um negócio mais justo é uma jornada, e, anos depois, esses resultados estão nos mostrando que estamos caminhando na direção correta”.

O progresso do Close the Gap da empresa no ano passado é resultado de um esforço conjunto da Delta que avança em compromisso com diversidade
para garantir que a equipe de liderança sênior reflita mais a diversidade presente na força de trabalho da linha de frente.

Desde o segundo trimestre de 2022, cerca de 27% dos funcionários assalariados por hora se identificam como afrodescendentes, 22% como outro grupo racial e étnico sub-representado e 42% como mulheres. Observou-se a maior aceleração na categoria de vice-presidente e acima para talentos femininos, aumentando de 29% para 34% do primeiro trimestre de 2022 para o segundo trimestre do mesmo ano. O aumento foi amplamente alimentado pelo forte portfólio de talentos em nível de diretoria administrativa, que viu uma diminuição na diferença de 31% para 30%. Ainda assim, continua a existir um forte grupo de profissionais que apoiará o alcance das metas do Close the Gap.

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo da aviação? Então nos siga no Twitter, Instagram, Facebook e Tiktok.



O relatório acompanha a diferença entre a diversidade de talentos da linha de frente e a liderança dentro da empresa
+ do Blog Aviões e Músicas
logo aem site rodape 2

Um portal feito para leigos, entusiastas, curiosos, geeks, amantes de aviões, aeroportos e viagens.