Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email

Companhia aérea de baixo custo Allegiant Air põe fim à exclusividade por aeronaves Airbus e confirma pedido do Boeing 737 MAX

Operadora exclusiva de Airbus, a Allegiant Air deverá substituir toda a frota por variantes do Boeing 737 MAX

A companhia aérea americana de baixo custo baseada em Las Vegas, a Allegiant Air, assinou acordo com a Boeing para aquisição de 50 jatos Boeing 737 MAX com reserva para mais 50 opções de compra. 

Operadora exclusiva de Airbus A319 e A320, a Allegiant Air deverá substituir toda a frota por variantes do Boeing 737 MAX 7 e MAX 8-200 versão de alta densidade do MAX 8, que serão equipados com motores Leap-1B, a previsão que as entregas ocorram entre 2023 e 2025.

“Embora o centro de nossa estratégia continue a se concentrar em aeronaves que já foram adquiridas, a inclusão de até 100 737 diretos do fabricante trará inúmeros benefícios para o futuro – incluindo flexibilidade para aumento de capacidade e aposentadoria de aeronaves, benefícios ambientais significativos, configuração moderna e recursos de cabine que nossos clientes irão apreciar”, disse Maurice J. Gallagher, Jr., presidente e CEO da Allegiant.

“Estamos entusiasmados com o fato de a Allegiant ter escolhido a Boeing e o 737 MAX e como eles se posicionam para crescimento futuro, maior eficiência e desempenho de custo operacional”, afirmou Stan Deal, presidente e CEO da Boeing Commercial Airplanes.

O modelo de negócios da Allegiant Air historicamente se concentra em operações de baixo custo. No entanto, a recuperação pós pandemia trouxe “oportunidades únicas” na aquisição de novas aeronaves. O valor da transação não foi revelado, mas chegou no período em que a Boeing se esforça para recuperar sua participação de mercado em um segmento onde a Airbus assumiu uma clara liderança.

+ do Blog Aviões e Músicas
logo aem site rodape 2

Um portal feito para leigos, entusiastas, curiosos, geeks, amantes de aviões, aeroportos e viagens.